Marcao, Rachel, e Danilo: SBT tem um estoque de racistas no seu elenco.

Marcao: – Pé de macaco, Rachel: “Não podemos condenar Waack”, Danilo: – “Não sou negro, graças a Deus”…

Da série, “gosto de um discurso racista, mas não sou racista, sou SBT”. Pegando a aba do racista William Waack, a emissora do Silvio Santos poderia contratar, o Sr. “Isso é coisa de Preto”.

.

Depois o SBT não sabe porque os grandes anunciantes não se animam com a emissora. Já pensou que o motivo pode ser estes embustes? que ate vendem a alma a criminosos, porque tudo pra eles é uma vingança política. No caso do Waack, ele cometeu um erro sim, nos erramos sim, merecemos o perdão sim, mas independente do tudo, nenhuma empresa decente tolera esse tipo de comportamento. Racistas, misóginos, xenófobos, machistas, e qualquer vertente de preconceito não deve ser tolerada, ainda mais pra um jornalista, numa emissora de concessão pública.

.

Não vamos nem nos aprofundar no caso do Jorge Lafon, vulgo Vera Verão de “A Praça é Nossa”, onde foi retirado do palco ao vivo – pelo diretor – do “Domingo Legal”, ainda na época do Gugu, porque o Padre Marcelo Rossi ia ser apresentar, amém. Numa emissora querida pelo seu dono, onde Marcão do Povo fala, Rachel defende e Danilo Gentili faz piada racista, sou tá faltando contratarem o William Waack.

.

Gustavo Vidal – Coluna Alternativa – Blog TV Tudo –