Milhares estarão presentes em ato de registro da candidatura de Lula Presidente

MOVIMENTOS SOCIAIS
Eu sou Lula!
.

Movimentos sociais preparam grande marcha que chegará dia 15 de agosto em Brasília, data em que ex-presidente será oficializado na disputa eleitoral

02/07/2018 18h52 – atualizado às 19h12

Brasília será o palco de mais uma data histórica para milhões de brasileiros e brasileiras em 15 de agosto, dia em que Lula será oficializado na disputa à Presidência da República. Para acompanhar o registro do nome do ex-presidente junto à Justiça Eleitoral,movimentos sociais, partidos de esquerda e centrais sindicais preparam uma marcha que deve sair da cidade de Luziânia três dias antes e terminar com grande ato na capital federal.

A expectativa é que milhares de pessoas, entre representantes de movimentos sociais, comunidades campesinas, artistas e líderes políticos e sindicais acompanhem o trajeto de cerca de 60 Km entre as duas cidades. “Queremos convocar todos aqueles que acreditam na inocência do Lula e que estão na luta contra o golpe e os ataques à democracia. A marcha é um recado de paz para o Brasil”, explica Alexandre Conceição, um dos organizadores do ato e que pertence à coordenação Nacional do MST.

Uma grande mobilização como esta mostra o tamanho da força popular em torno da pré-candidatura de Lula que, mesmo perseguido pela mídia e preso político desde 7 de abril, lidera todas as pesquisas já divulgadas. O povo já escolheu Lulacandidato e vai mostrar sua força durante a caminhada que culminará no registro no TSE.

Ciente do quão importante foram os governos de Lula para as causas do campo, Conceição torce pelo retorno do ex-presidente para acabar com os retrocessos do ilegítimo Michel Temer: “Todo mundo sabe que o único que pode colocar o Brasil de novo nos eixos é Lula. Com ele, os trabalhadores do campo tiveram pela primeira vez a atenção do governo e puderam melhorar as suas vidas. Agora tudo o que conquistamos está ameaçado. Por isso temos que mostrar todo o nosso apoio a ele no dia do registro”.

O coordenador da Central de Movimentos Populares (CMP), Raimundo Bonfim, vê no ato mais uma prova de que o povo não aceita mais os desmandos do governo ilegítimo de Michel Temer. “Só Lula terá coragem de revogar os muitos retrocessos feitos pelo golpista Temer em tão pouco tempo. Por isso é importante mostrar que o povo não aceita mais medidas como a reforma trabalhista, a entrega do pré-sal entre muitas outras coisas que prejudicaram diretamente a população”, opina Bonfim.

Para a vice-presidenta Nacional da CUT, Carmen Foro, além do peso simbólico de sair às ruas em defesa de um candidato que lidera todas as pesquisas mesmo mantido como preso político, o ato também é estratégico. “Não há como fazer justiça sem ouvir o que o povo quer. E as propostas de Lula estão em sintonia com o desejo da maioria. No ato, vamos estar todos juntos nas ruas de Brasília em sua defesa”, espera.

A presidenta Nacional do PT, senadora Gleisi Hoffmann, defendeu a mobilização para registrar a candidatura de Lula. “É muito importante a movimentação que estamos fazendo aqui fora pela afirmação da candidatura de Lula. Queremos reunir milhares de pessoas no dia e, junto com o povo, confirmá-lo na disputa”, conta Gleisi.

Sobre o encontro recente que teve com Lula em Curitiba, Gleisi tratou de animar a militância. “Ele está com a cabeça ótima, com a saúde de um garoto de 25 anos. Mais do que indignado pela atuação doJudiciário ele está preocupado com a situação do Brasil. Das crianças brasileiras, com a falta de autonomia do governo, a soberania do país, com a falta de respeito perante o mundo, com a economia. O povo tem que voltar a ter confiança. É isso que ele quer. O povo sabe porque nós já fizemos isso”, conclui a presidenta.

Por Henrique Nunes da Agência PT de Notícias

Eleição sem Lula, chega 58% de brancos, nulos e indecisos.

.
A quatro meses das eleições os brasileiros parecem ter mais certeza que não querem votar em ninguém, diante dos nomes disponíveis até o momento. O número de brancos e nulos chega a 29%. Somados aos indecisos, o total dos que não têm voto para o dia 7 de outubro fica entre 36% e 40%. Somados aos que não quiseram opinar num cenário sem o #Lula, o número chega a 58%.

Portanto, até a eleição sem definir, nada está certo, até porque 60 milhões de indecisos, Não optaram pelos que sobraram.

Gustavo Vidal

Temer grava com Silvio Santos e Ratinho no SBT

O baú, e uma Sena de golpes. Reforma da Previdência: Silvio Santos e Ratinho se juntam ao Temer para aceitação da população.

O apresentador Ratinho interrompe suas férias de 30 dias no SBT, para fazer seu programa ao vivo, assim entrevistar o presidente Michel Temer.

Temer estará no SBT para gravar o programa Silvio Santos na semana que vem, para convencer a população das mudanças e tentar levantar um pouco da sua popularidade quase zebrada, as vésperas da Reforma da Previdência.

.

Gustavo Vidal – Coluna Alternativa – Blog TV Tudo.

Partido quer Datena como candidato à presidência em 2018

O Partido Republicano Progressista (PRP) tem reunião marcada com José Luiz Datena para tentar lançá-lo como pré-candidato à Presidência da República.

Segundo informações do jornal “Estado de São Paulo”, o partido está bastante interessado em ter o apresentador do “Brasil Urgente”, como seu candidato nas eleições deste ano.

Cabe lembrar que Datena já é filiado ao PRP. Em conversa com o jornal, o comunicador afirmou ter ficado surpreso com a lembrança de seu nome pela legenda.

Ele confirmou que conversará sobre o assunto com o partido, mas que vai recusar o convite, deixando claro que “pretende continuar ajudando a sociedade como jornalista”.

Marcao, Rachel, e Danilo: SBT tem um estoque de racistas no seu elenco.

Marcao: – Pé de macaco, Rachel: “Não podemos condenar Waack”, Danilo: – “Não sou negro, graças a Deus”…

Da série, “gosto de um discurso racista, mas não sou racista, sou SBT”. Pegando a aba do racista William Waack, a emissora do Silvio Santos poderia contratar, o Sr. “Isso é coisa de Preto”.

.

Depois o SBT não sabe porque os grandes anunciantes não se animam com a emissora. Já pensou que o motivo pode ser estes embustes? que ate vendem a alma a criminosos, porque tudo pra eles é uma vingança política. No caso do Waack, ele cometeu um erro sim, nos erramos sim, merecemos o perdão sim, mas independente do tudo, nenhuma empresa decente tolera esse tipo de comportamento. Racistas, misóginos, xenófobos, machistas, e qualquer vertente de preconceito não deve ser tolerada, ainda mais pra um jornalista, numa emissora de concessão pública.

.

Não vamos nem nos aprofundar no caso do Jorge Lafon, vulgo Vera Verão de “A Praça é Nossa”, onde foi retirado do palco ao vivo – pelo diretor – do “Domingo Legal”, ainda na época do Gugu, porque o Padre Marcelo Rossi ia ser apresentar, amém. Numa emissora querida pelo seu dono, onde Marcão do Povo fala, Rachel defende e Danilo Gentili faz piada racista, sou tá faltando contratarem o William Waack.

.

Gustavo Vidal – Coluna Alternativa – Blog TV Tudo –

Dilma lidera e senadores pro-impeachment fracassam em pesquisa.

Os senadores de SP, que lideraram o “Impeachment” aparecem nas últimas colocações em pesquisa.

Parece que os senadores Marta Suplicy (PMDB-SP) e Aloysio Nunes (PSDB-SP), tomaram um susto a aparecerem nas últimas colocações na última pesquisa do Instituto Paraná, os dois lideraram o impeachment contra a Dilma, que no caso da petista, lidera as intenções de voto, veja as projeções:

SP:

Neste cenário, Geraldo Alckimin do PSDB aparece com 34%, Celso Russomano PRB 30%, Eduardo Suplicy PT 21%, Marta Suplicy 8%, e Aloysio Nunes 7%.
.
MG:

Dilma Rousseff (PT) 35% / Fernando Pimentel (PT) 20% / Rodrigo Janot 15% / Aecio Neves 8% e Perrela 2%.

Gustavo Vidal – Coluna Alternativa – Blog TV Tudo.