Record‬ acaba de anunciar a reprise de ‪”Chamas Da Vida”‬ como substituta, de ‪”‎Dona Xepa‬”

CHAMAS DA VIDA per_03

Chamas da Vida foi uma telenovela brasileira produzida pela Rede Record, entre 8 de julho de 2008 e 28 de abril de 2009, às 21h45, totalizando 253 capítulos.

É de autoria de Cristianne Fridman, em colaboração com Paula Richard, Renata Dias Gomes, Camilo Pellegrini e Nélio Abbade. A direção é de Roberto Bomtempo, Rudi Lagemann e Rogério Passos, e a direção geral, de Edgard Miranda.

Contou com Juliana Silveira, Leonardo Brício, Bruno Ferrari, Amandha Lee, Juliana Lohmann, Dado Dolabella, Andreia Horta, Victor Hugo, Claudiana Cotrim, Rafael Queiroga, Roger Gobeth, Luíza Curvo, Antônio Grassi, Jussara Freire, Lisandra Parede, André Di Mauro, Letícia Colin e Lucinha Lins nos papéis principais.

Está sendo reprisada desde 31 de agosto de 2015 no Investigação Discovery às 19h30 com horário alternativo durante toda a semana, a partir do meio-dia e meia.

Será reapresentada em Outubro de 2015, por sua emissora original substituindo Dona Xepa ás 15h45.

Audiência e repercussão

A novela Chamas da Vida não terminou em março de 2009, como inicialmente previsto. Com a alta audiência da novela, a Record esticou Chamas da Vida até 28 de abril de 2009, então, Chamas da Vida totalizou 253 capítulos.

Chamas da Vida foi considerada uma das melhores telenovelas já produzidas pela emissora Rede Record, ao lado de Essas Mulheres, Cidadão Brasileiro e Vidas Opostas. O Blog TV Tudo informa que a novela foi particularmente popular em Fortaleza e no Rio de Janeiro, cidades onde a Record chegou a superar a média de audiência da TV Globo..

A abordagem do tema da pedofilia através do polêmico vilão Lipe (interpretado por André Di Mauro) causou uma grande repercussão [7] e fez com que a novela alcançasse altos índices de audiência, como na cena de perseguição ao pedófilo que rendeu a melhor audiência de Chamas da Vida, o capítulo exibido dia 12 de novembro de 2008 entre 22h29 e 23h28 obteve média de 19 pontos, pico de 21 pontos e 31% de participação (share).[8] .

A emissora portuguesa RTP1 exibiu a trama entre 2 de março de 2009 e meados de 2010 às 14h15, substituindo Amor e Intrigas, cujos últimos capítulos foram ao ar logo após, às 14h45. A estreia portuguesa da trama marcou 4,4% de média e 33,6% de share (número de aparelhos ligados). Para efeito de comparação, segundo a mesma nota, Feitiço de Amor e Flor do Mar, as duas novelas mais assistidas em Portugal, têm, respectivamente, 15,1% e 15,2% de média acumulada até a data.[9] .

A novela voltou a ser exibida em 31 de agosto de 2015 pelo canal Investigação Discovery.[2]

“Prova de Amor” e “Dona Xepa” elevam os índices de audiência nesta quarta-feira – (29/07)

dona-xepa

A Record exibiu mais um programa as novelas “Prova de Amor” e “Dona Xepa” nesta quarta (29) , em sua nova programação vespertina conseguiu bater recorde, considerando o fracasso dos dos primeiros dias.

Mas temos que levar em consideração, que não era de costume ver novelas nas tardes da Record, e sendo uma novidade, leva um tempo para adaptação. Hoje por exemplo a melhorou seus índices, segundo dados preliminares do ibope a novela “Prova de Amor”, fechou com 3.5 de media com picos de 5.1, já “Dona Xepa”, ficou com 3.0, com pico de 4.3, na Grande São Paulo e obteve 7,5% de participação total em share.

No confronto direto a Rede Globo liderou na média com 11,7  pontos, o SBT apareceu em segudno lugar com 3,8  pontos de média, a Band ficou em quinto lugar com 1,9  pontos de média.

Segundo a Radio Metropolitana FM, parece que algumas emissoras regionais em mandado relatórios comerciais para a emissora em São Paulo, dizendo que o giro de anunciantes aumentou em 31%, e já na capital paulista em 13%. O publico feminino, atrai os anunciantes, segundo o diretor de programação da emissora.

Segundo dados são prévios e podem sofrer alterações para mais ou para menos nos índices consolidados que são divulgados pelo Ibope no dia útil seguinte. Cada ponto na capital paulista equivale 67.1 mil domicílios ou 201.3 mil espectadores.

CURTA A NOSSA PAGINA NO FACEBOOK

Curto

Novela reprisada da Record chega a zerar em Porto Alegre

DONA XEPA angela

As reprises de novelas da Record derrubaram ainda mais a audiência da emissora na tarde desta terça (28). Prova de Amor, que ontem marcou 3,7 pontos, hoje ficou com 3,2, segundo dados preliminares da Grande SP. Dona Xepa (2,5 ontem) marcou só 1,6 na prévia, perdeu para Band e RedeTV! e chegou a ficar atrás dos desenhos da TV Cultura. Em Porto Alegre, a novela deu traço (0 ponto).

Daniel Castro

Apesar da baixa, “Prova de Amor” e “Dona Xepa” aumentam anunciantes no horário

PROVA DE AMOR E DONA XEPA ilkj

É cedo ainda para analisar como será o desempenho das novelas ”Prova de Amor” e ”Dona Xepa” que estrearam nesta segunda-feira, 27, na faixa vespertina. O que podemos prever é que pode ter sido um erro da emissora em escalar duas novelas para concorrer com as mesmas armas usadas pelo SBT e Globo: novelas. O público que consome este produto (folhetim clássico) está fidelizado nos programas da TV Gazeta (Mulheres) e RedeTV! (A Tarde é Sua). A Record ofereceu o mesmo cardápio das concorrentes.

A TV Cultura com os desenhos também não teve os números alterados (1,5 pontos) E a Band com sua grade ‘padrão’ manteve (1,7 pontos).

Queda…

Entre 14h45 e 17h30 a Record oscilou entre 1 pontos e 5 pontos. O ”Cidade Alerta” só foi bater 6 pontos após às 17h55. Ou seja, por quase 1 hora Marcelo Rezende patinou entre 2.5 e 5 pontos. Rezende que sofreu com as mudanças da grade e a estreia das novelas começou o seu programa atrás do desenho Peppa Pig da TV Cultura- e reclamou no ar de que a emissora não tinha divulgado o novo horário do ”Cidade Alerta”.

Anunciantes…

Segundo a Radio Metropolitana FM, parece que algumas emissoras regionais em mandado relatórios comerciais para a emissora em São Paulo, dizendo que o giro de anunciantes aumentou em 31%, e já na capital paulista em 13%. O publico feminino, atrai os anunciantes, segundo o diretor de programação da emissora.

CURTA A NOSSA PAGINA NO FACEBOOK

Curto

 

Novela “Dona Xepa” foi o melhor acerto da Record

dona-xepa

Após um pouco mais de três meses, “Dona Xepa” se despede hoje à noite. O folhetim de Gustavo Reiz baseado na peça teatral de Pedro Bloch foi feita para ser mais enxuta que novelas como “Ribeirão do Tempo” e “Vidas em Jogo”, que ficaram aproximadamente um ano no ar. O elenco foi também reduzido em poucos núcleos. No final, “Dona Xepa”, que teve direção de Ivan Zettel, acabou sendo um acerto quase que completo da Record.

Antes de mais nada é importante dizer que este jornalista não era nascido nos anos 70, quando foi ao ar o original da novela, pela Globo. Portanto, não cabem comparações entre as duas versões. Posto isso de lado, vamos, então, aos fatos. O texto de Reiz foi delicioso, extremamente bem elaborado e atual. As manifestações populares acabaram indo parar na Vila do Antigo Bonde, onde moravam a protagonista e alguns personagens, a maioria do núcleo cômico – núcleo este destaque absoluto da história. Expressões usadas na Internet, como ‘hastag’ e ‘miguxo’, também saíram das bocas de alguns tipos.

Em relação ao elenco, o acerto também foi quase que por completo. Ângela Leal personificou aquela mãe capaz de tudo para os filhos. Emocionou e fez rir em várias sequências. É importante também destacar a opção por uma novela que, obrigatoriamente, sua protagonista não é uma atriz jovem. Indo, assim, completamente, na contramão do que se tem visto atualmente. Também foram destaques Bemvindo Sequeira, Bia Montes, José Dumont e Arthur Aguiar. Ele, aliás, mostrou que continua evoluindo muito como ator desde “Rebelde”. Arthur e Ângela fizeram ótimas cenas como filho e mãe.

Grande vilã de “Dona Xepa”, Thais Fersoza, a Rosália, também fez bonito. Sua personagem era ambiciosa, mal caráter, mas, ao mesmo, era uma vilã moderada. O núcleo da faculdade apareceu pouco, mas alguns atores chegaram a comprometer. Assim como o núcleo que envolvia Meg (Luiza Thomé). A atriz, porém foi uma grata surpresa mesmo com um currículo extenso. Sua personagem era uma verdadeira perua, exagerada, cheia de ‘não-me-toques’ e que foi ganhando outras nuances com o desenrolar dos capítulos, até exibir um drama (foi prostituta quando jovem).

A Yasmin, vivida por Pérola Faria, parecia que iria sofrer muito por causa de Édison (Arthur Aguiar) e pelas vilanias de Rosália, mas acabou ficando na promessa. A atriz apresentou química muito maior com Arthur do que ele com Rayana Carvalho (intérprete da Lis) e voltou a se mostrar aplicada em cena. Alexandre Barilari, Augusto Garcia e Robertha Portella fizeram um engraçadíssimo trio romântico e também merecem destaque.

O pouco número de capítulos e personagens evitou aquela ‘barriga’ tão comum em novelas e fez o público se aproximar mais com as histórias e tramas. “Dona Xepa” só não foi um acerto total porque chegou a terminar por volta das 23h30. Desde seu início, se mostrou ‘light’ demais para um horário tão tarde. Tanto é que a trama acabou tendo que apostar em algumas sequências de tiroteio. O saldo final é mais do que positivo. Até porque, uma grande novela começa com um grande autor.

CURTA A NOSSA PAGINA NO FACEBOOK

Curto

Record registra liderança pela manhã no RJ

record-hd-2013

 

Assim como ocorreu em São Paulo, a Record foi líder, ontem, entre 7h e 11h59 no Rio de Janeiro. A rede marcou 7 pontos com ‘share’ de 24%. O “Balanço Geral” somou 5 pontos e por 8 minutos foi líder; o “RJ no Ar” conquistou a liderança na média (7 pontos), assim como o “Fala Brasil” (8 pontos).

Outros destaques foram “Cidade Alerta Nacional” (com 8), “A Fazenda” (com 11) e “Dona Xepa” (com 9).

CURTA A NOSSA PAGINA NO FACEBOOK

Curto

 

Resumo da Novela Dona Xepa 24/09/2013, na Terça: Saiba Tudo Sobre o Ultimo Capitulo

LEIA TAMBEM

A Era das Novelas Racistas

DONA XEPA angela

Dona Xepa fica rica

Depois de tanto sacrifício, chegou a hora da recompensa de Xepa (Ângela Leal). O negócio de venda de sopas, criado pela feirante com Benito (Emilio Dantas), vira um sucesso! E a pequena empresa alça grandes voos. Júlio César (Maurício Mattar) e Meg (Luiza Tomé) veem o potencial da marca de Xepa e a chamam para se tornar sócia da Sabor e Luxo.

Rosália vai para hospital psiquiátrico

Rosália (Thaís Fersoza) tem um ataque de fúria e tenta matar a nova namorada de Vitor Hugo (Márcio Kieling). E, com o calor da discussão, a filha de Xepa entra em trabalho de parto. Após o nascimento da criança, a jovem acredita que precisa de ajuda médica. Ela é internada em uma clínica psiquiátrica e dá sinais de que quer se redimir de seus atos.

Robério pede a mão de Dafne

Robério (Alexandre Barillari) pede Dafne (Robertha Portella) em casamento. Os dois sobem ao altar, assim como Ângelo (Castrinho) e Teresinha (Manoelita Lustos).

Dafne se torna uma cantora famosa

O sonho de ser uma estrela, finalmente vira realidade para Dafne (Robertha Portella). Ela se apresenta no Melhor do Brasil, de Rodrigo Faro, ao lado de Graxinha (Augusto Garcia) e Robério Escovão (Alexandre Barilari), e a Vila do Antigo Bonde se reúne para assistar à apresentação na TV.

Graxinha atesta que é pai de Gisele

A pequena Gisele (Ana Clara Pintor) descobre que Graxinha (Augusto Garcia) é seu pai, depois que ele faz um exame de DNA. Ambos ficam contentes com a novidade.

François descobre quem são seus pais

François (Gabriel Gracindo) descobre que Pérola (Angelina Muniz) e Júlio César (Mauricio Mattar) são seus pais, depois de realizar um exame de DNA. Mesmo com as desavenças, ele é bem recebido pelas duas famílias e passa a conviver em harmonia com os verdadeiros pais.

Édison e Lis ficam juntos

Édison (Arthur Aguiar) se acerta de vez com Lis (Rayana Carvalho). Já Yasmin (Pérola Faria), encontra a felicidade nos braços de Benito (Emilio Dantas).

Esmeraldino é preso

Na tentativa de arruinar Xepa (Ângela Leal), Esmeraldino (José Dumont) se dá mal. Ele tenta vender a casa da nova empresária e vai preso.

Bastidores

O elenco jovem de Dona Xepa se reúne sorridente para tirar uma foto na mansão Pantaleão. Da esquerda para a direita está Bieatriz (Bianca Castanho), Édison (Arthur Aguiar), Cintia (Manuela Duarte), Vitor Hugo (Márcio Kieling) e na frente Rick (Diego Montez).

CURTA A NOSSA PAGiNA NO FACEBOOK

Curto