No dia de seu aniversário, Eliana se emociona ao receber homenagem de Xuxa Meneghel, veja!

.
A apresentadora está comemorando 45 anos

Eliana está em festa! A apresentadora, que está completando 45 anos nesta quinta-feira, 22, já recebeu diversas mensagens de carinho por mais um ano de vida. Em seu stories do Instagram, ela repostou algumas das homenagens que recebeu.

Xuxa Meneghel não ficou de fora. A eterna ‘Rainha dos Baixinhos’ usou sua rede social para felicitar a amiga nesse dia tão especial. Em seu Instagram, ela compartilhou uma foto antiga e inédita das duas juntas. No clique, as loiras aparecem comendo pipoca juntas. Na legenda, a mulher de Junno Andrade ainda homenageou a amiga com sua própria e tradicional música de aniversário, o Parabéns da Xuxa.

“Haha huhu o Eliana eu vou comer seu bolo. Hoje vai ser uma festa, bolo e guaraná, muito doce pra você. Li, sei que muita gente vai desejar que você tenha um lindo dia e que seja feliz…o meu desejo é que você tenha SEMPRE DIAS LINDOS E MUITO FELIZES E acima de tudo com muita saúde”, escreveu na legenda.

Eliana rapidamente se manifestou na publicação e não escondeu a emoção ao agradecer pelo carinho: “Ah que coisa mais linda! Fiquei emocionada. Amo você.”
Mais cedo, a aniversariante ganhou uma surpresa organizada por suas funcionárias, seu marido e seus filhos. A comandante do Programa da Eliana é casada com Adriano Ricco e é mãe do Arthur, de 7 anos e da Manuela, de 1 ano.

Caras

Fabio Porchat começa a gravar na Globo

Fábio Porchat foi devidamente liberado pela Record e gravou recentemente sua primeira participação em um programa da TV Globo. O apresentador e humorista aparecerá na última temporada do Tá no Ar: A TV na TV onde fará comentários sobre o término da atração na emissora.

De acordo com informações do jornalista Daniel Castro, do site Notícias da TV, Porchat está conversando e deve assinar com a emissora carioca para participar de séries ou integrar o elenco de um projeto de humor comandado por Marcius Melhem.

Presidenciáveis conquistam apoio de famosos; veja quem vota em quem.

➡Marina Silva

Dentre os artistas que declaram abertamente apoio à candidata Marina Silva estão: os atores Sérgio Marone, Caio Blat, Bruno Gagliasso, Eriberto Leão, Maitê Proença, Marcos Palmeira, Marcelo Serrado, Marco Nanini, Cássia Kiss, a cantora Baby do Brasil e o dublador do Seu Barriga no Multishow Gustavo Berriel.

➡Jair Bolsonaro

Bolsonaro recebe o apoio dos cantores Gustavo Lima, Eduardo Costa, Amado Batista, Pepê e Neném, Ferrugem e da repórter Andressa Urach.

➡Ciro Gomes

Apoiam Ciro Gomes os atores Chay Suede, Patrícia Pillar e Luisa Arraes e os cantores Caetano Veloso e Tico Santa Cruz.

➡Fernando Haddad

Devem votar em #Haddad os atores Fábio Assunção, José de Abreu, Lucélia Santos, Beth Mendes, Maria Ribei, Martinho da Vila, Gilberto Gil, Bety Carvalho, Martinalha, Gregorio Duvivier, Supla, Fernanda Takai, Teresa Seikts e Chico Buarque.

➡Guilherme Boulos

O candidato Boulos tem do seu lado artistas alinhados à esquerda tradicional como Mônica Iozzi, Wagner Moura, Sonia Braga, Alinne Moraes, Letícia Sabatella, Paulo Betti, Bruno Mazzeo e Gregório Duvivier.

➡Vera Lúcia

A candidata de extrema esquerda recebe o apoio do ator Pedro Cardoso.

A reportagem não encontrou artistas apoiadores dos candidatos Geraldo Alckmin, Álvaro Dias, Henrique Meirelles, Cabo Daciolo, João Amoêdo, João Goulart Filho e Eymael.
.

Informações Veja

Era tudo palhaçada abestado: Tiririca vai disputar a reeleição.

A coluna de Andreza Matais, do Estadão, informa que o deputado Francisco Everardo Oliveira Silva, a Tiririca, voltou atrás da decisão de abandonar a polícia. Vai disputar a reeleição como deputado. Quanto e$forço deve ter custado ao PR, seu partido, para convencê-lo a mudar de ideia? Teve gente que se que comoveu com a pataquada que Tiritica disse da tribuna do Câmara quando anunciou que se retirava da política, fazendo-se passar por uma virgem no bordel. A seguir, a nota:

O PR convenceu o deputado Francisco Everardo Oliveira Silva, o Tiririca, a disputar a reeleição. Em dezembro de 2017, ele anunciou que sairia da vida pública. A candidatura do comediante é mais um ativo do partido, que se tornou protagonista nas negociações em torno de aliança na eleição presidencial. Em 2014, Tiririca foi o terceiro mais votado do País. O 1,016 milhão de votos obtidos por ele ajudaram o PR a eleger seis parlamentares em São Paulo. Sem Tiririca, a legenda prevê que conseguiria emplacar apenas três deputados federais no Estado.

Discurso vencido. No único discurso que fez em sete anos de mandato, Tiririca justificou sua decisão de não disputar mais cargos públicos. “Eu saio totalmente com vergonha do que eu vi nestes aqui. Estou decepcionado com a política brasileira.” Ele não foi encontrado ontem.

‘Vídeo Show’ fracassa e ex-repórter fala em ‘racismo’ em sua demissão.

Aline Prado, que ficou no programa entre 2015 e 2017, comentou as novas contratações e criticou a falta de diversidade na atração.
.
Aline Prado ficou no programa entre 2015 e 2017
Reprodução
A vida do “Vídeo Show” não anda nada fácil. A estreia do novo time da atração, recheado de ex-BBBs, peça pela falta de experiência e estilo jogral de apresentação.

Nem os milhões de seguidores que cada uma das novas apresentadoras têm nas redes sociais foi capaz de garantir uma boa audiência em

seus primeiros dias no ar. O programa ficou em segundo lugar no horário, atrás da RecordTV e quase perdeu também para o “Chaves” no SBT.

Para completar, a primeira e única negra a integrar o time de apresentadores/repórteres do Vídeo Show resolveu desabafar nas redes sociais.

Alinne Prado, que participou do programa entre os anos de 2015 e 2017, falou em ‘racismo’ ao comentar a sua demissão e denunciou a falta de diversidade da atração.

“Não é nada contra as meninas do Vídeo show. Inclusive as sigo e sou fã delas. É contra a colonização do nosso imaginário. Só podemos aparecer na TV se for em situação de subserviência e sofrimento. E sempre como cota. É contra acharmos que não existe racismo. Que tudo isso é mimimi. Enquanto os não negros cruzarem os braços e fecharem seus olhos para isso, continuaremos a ser amordaçados, chicoteados, invizibilizados e mortos. Precisamos de aliados nessa luta. Precisamos de você!”, escreveu Alinne no Instagram.

“Apesar de ser a primeira negra a sentar na bancada do programa, fui demitida sob a justificativa de que, apesar de gostarem muito do meu trabalho, precisavam de alguém mais ‘neutro’ (sic) do que eu. E como estavam passando por uma crise, eles precisavam enxugar o quadro de repórteres (que depois da minha saída aumentou). Nunca falei disso publicamente, mas me dói demais ver isso acontecer”, disse a ex-apresentadora da Globo em seu desabafo em que responde uma seguidora que comentou sobre a falta de diversidade no programa”, disse ela.

Verdade seja dita, não é de hoje que o “Vídeo Show” amarga derrotas para a RecordTV no horário, perdendo com uma certa frequência para a “Hora da Venenosa” no “Balanço Geral”.

No entanto, desta vez, a audiência despencou e a direção já pensa em mexer no programa de novo ou tirá-lo de vez do ar.