Duas novas más notícias mostram que o SBT está em momento pouco inspirador

Uma semana depois de a corajosa Maísa Silva tornar público o constrangimento que sofreu por obra de Silvio Santos e Dudu Camargo, a emissora voltou a ser fonte de notícias negativas.
A primeira veio de Brasília. A emissora se viu obrigada a exibir mensagens educativas e reflexivas sobre a reforma trabalhista proposta pelo governo Temer. Isso ocorreu em consequência de um inquérito aberto no Ministério Público do Trabalho (MPT-DF) por conta das “chamadas publicitárias com informações duvidosas sobre o tema” divulgadas anteriormente pela emissora.
Em outras palavras, o SBT levou um puxão de orelhas por ter feito uma campanha institucional alarmista, na qual havia dito coisas como: “Você sabe que, se não for feita a Reforma Trabalhista, você pode deixar de receber o seu salário?”, “Você sabe que o Brasil quebra se não aprovar a nova lei da Previdência?”
A outra má notícia foi divulgada pelo Ibope. Num balanço da audiência nacional (PNT) do primeiro semestre de 2017, a Globo anunciou o seu melhor resultado desde 2012, a Record festejou a sua melhor média desde 2011 e o SBT, em direção oposta, viu sua média cair em relação ao ano anterior. Pior, perdeu a vice-liderança, que havia conquistado em 2015.
O que estas duas notícias têm em comum? Não muito, aparentemente. Mas revelam, na minha opinião, que há algo errado na emissora.
A série de vídeos sobre as reformas, divulgada depois de um encontro entre Silvio Santos e Michel Temer no salão do Jassa, mostrou-se claramente amadora, feita sem cuidado algum. Qualquer funcionário mais sensato do SBT que revisasse aquelas mensagens veria que elas pareciam muito mais propaganda do governo do que uma campanha de esclarecimento – e, por isso, não deveriam ir ao ar.
Já os números de audiência relativos ao primeiro semestre me parecem reflexo da falta de apetite do SBT. Sem esboçar reação, a emissora tem assistido sua principal rival, a Record, investir em diferentes áreas da programação. Quantos programas novos Silvio Santos lançou neste primeiro semestre?
Tenho certeza que mesmo o mais ferrenho sbtista e o mais apaixonado fã de Silvio Santos são capazes de reconhecer que a sua emissora querida está em um momento pouco inspirado.

Mauricio Stycer | UOL

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s